sexta-feira, 31 de julho de 2015

PA: Banpará contrata organizadora de concurso !

Banpará
Banco do Estado do Pará (Banpará) continua se movimentando para realizar seu próximo concurso público. Saiu no Diário Oficial do dia 22 de julho que a empresa contratou a empresa AVR Assessoria Técnica (Exatus) para organizar o processo seletivo.

De acordo com o edital de licitação para contratação da organizadora, a seleção deverá abrir 20 vagas efetivas e formar cadastro reserva para cargos de níveis médio e superior.

A expectativa é que o concurso do Banpará tenha 18 oportunidades para o posto de técnico bancário, que exigeensino médio completo; uma para o cargo de contador e uma para o de médico do trabalho, ambos pedem graduação completa. Além disso, o processo seletivo também irá formar cadastro reserva destas carreiras e das seguintes ocupações denível superiorengenheiro agrônomoengenheiro eletricista eassistente social.

Não foram divulgados os valores dos salários a serem recebidos por esses profissionais. Há informação, no entanto, sobre a lotação das oportunidades. Todas serão para trabalhar na cidade de Belém e no interior do Estado do Pará


O edital de licitação também disponibiliza informações sobre as provas do concurso do Banpará, que deverão conter 60 questões. Para o cargo de nível médio, as avaliações terão perguntas sobre língua portuguesa, raciocínio lógico, informática, atualidades, matemática financeira, atendimento e noções de ética e conhecimentos bancários; para os de nível superior, oteste conterá questões sobre língua portuguesa, raciocínio lógico, informática e conhecimentos específicos. 

As provas deverão ser aplicadas nos municípios de Belém, Santarém, Marabá e Castanhal

Divulgação do edital

De acordo com informações do Banco do Pará, ainda não há previsão para divulgação do edital de abertura das inscrições do concurso, pois o documento está sendo analisado pela diretoria do banco para depois ser enviado a banca organizadora do certame. 

No entanto, o prazo de vigência do contrato firmado entre o órgão e a organizadora Exatus, assinado no dia 21 de julho, é de 12 meses. Ou seja, o banco tem até o dia 20 de julho do ano que vem para realizar todo o processo seletivo.

Último concurso do Banpará


Não foi há muito tempo que o Banpará lançou seu último concurso. Na verdade, faz pouco mais de um ano e as oportunidades eram bastante parecidas com as do novo concurso. Em 2014, o banco abriu 63 vagas, para os cargos de técnico bancário (60), contador (1) e médico do trabalho (1). Os salários iam de R$ 1.648,12 a R$ 4.650.

A validade deste concurso do Banpará termina em 26 de junho deste ano. 

*Matéria atualizada no dia 30 de julho de 2015 às 15h41min.

AVISO IMPORTANTE!!!

HOJE  A  AULA  SERÁ  COM  O  PROF.  RUBSON  NASÁRIO ( DUDH ), PARA  PM  E  DEMAIS  CONCURSOS!!!

Concurso Correios: confirmado edital para 2.000 vagas !

Correios
Após quatro anos sem realizar concurso público, os Correios (Empresa Brasileira de Correios Telégrafos – ECT) finalmente divulgaram, na última quarta-feira, dia 29 de julho, que farão uma nova seleção em breve com 2.000 vagas efetivas, além de oportunidades para formação de cadastro reserva, para lotação em 11 Estados, mais o Distrito Federal.

As ofertas serão destinadas ao cargo de agente de Correios, nas atividades de carteiro e operador de triagem e transbordo (OTT). Ambas as funções exigem o nível médio completo.

A profissão de OTT apresenta vencimentos iniciais de R$ 1.284, já incluindo o valor da gratificação (GIP). Ao salário de carteiro, soma-se ainda o adicional de distribuição, elevando a remuneração para R$ 1.620,50. Além disso, os admitidos receberão vale alimentação/refeição na quantia de R$ 971,96 a R$ 1.092,48. Acrescentando o valor máximo do benefício a remuneração dos cargos em questão, o rendimento das carreiras chega a R$ 2.376,48, para operador, e a R$ 2.712,98, para carteiro. 

Além do vale alimentação, os aprovados no concurso dos Correios também terão direito a vale-transporte, auxílio-creche ou auxílio babá, além de adicionais - de acordo com o Plano de Cargos, Carreiras e Salários (PCCS) - e a possibilidade de adesão ao Plano de Previdência Complementar.

As oportunidades do concurso dos Correios serão distribuídas pelos Estados do Amazonas, Bahia, Minas Gerais, Mato Grosso do Sul, Mato Grosso, Pernambuco, Paraná, Rio de Janeiro, Rio Grande do Sul, Santa Catarina e São Paulo, além do Distrito Federal

Não serão disponibilizadas vagas nos demais Estados do país porque a empresa ainda possui cadastro reserva vigente do concurso realizado em 2011 naquelas localidades.

Os candidatos que se inscreverem no concurso farão provas de conhecimentos e, se aprovados, serão submetidos também a um teste de esforço.

Quanto ao edital de abertura das inscrições do concurso, a assessoria de imprensa dosCorreios informou que ainda não há uma data definida para lançar do documento. No entanto, o órgão afirma que até o final de agosto divulgará os demais detalhes da seleção.

Histórico do concurso


No início de julho deste ano, os Correios confirmaram que iriam lançar um novo concurso com vagas efetivas. Porém, não informou quantas vagas seriam abertas e nem para quais cargos.

No entanto, JC vem acompanhando as movimentações dos Correios para a realização de um novo concurso público desde 2012, quando o órgão chegou a afirmar que a próxima seleção teria chances para as colocações de carteiro, operador de triagem e transbordo, atendente comercial e analista. Com exceção do analista, que necessita nível superior, os demais empregos requerem ensino médio completo.

Contudo, como já dito no início da matéria, apenas as funções de carteiro e operador de triagem e transbordo serão contempladas no próximo processo seletivo. 

Defasagem de profissionais nos Correios


De acordo com a secretaria de imprensa da Federação Nacional dos Trabalhadores em Empresas de Correios, Telégrafos e Similares (Fentect), a realização de um concurso para efetivos nos Correios é uma das principais bandeiras solicitadas nas negociações da campanha salarial de 2015 devido a falta de profissionais na ECT.

A Fentect também afirmou que, entre o ano passado e este, aproximadamente oito mil servidores deixaram os Correios e a reposição desse pessoal ainda não foi feita.

Sendo assim, pode-se dizer que o déficit de profissionais no órgão é de 78 mil servidores, já que anteriormente, em 2014, a Federação já havia dito que a ECT tinha uma defasagem de 70 mil funcionários - vale ressaltar que, nesse total, estavam inclusos 30 mil profissionais terceirizados a serem substituídos.

Apenas com relação aos carteiros, a Fentect também disse ao JC que o número de carteiros afastados por problemas de saúde ocupacional gira em torno de 8 a 9 mil pessoas, sendo que as reclamações mais comuns são relacionadas a doenças na coluna, no joelho e até mesmo câncer de pele.

A carência de profissionais nos Correios faz com que as correspondências demorem até 10 dias para ser entregues em certas localidades, quando a média deveria ser de, no máximo, quatro dias.


Último concurso dos Correios


Os Correios lançaram, em 2011, um edital com 9.190 oportunidades distribuídas entre as carreiras de carteiro, atendente, operador de triagem e transbordo, analista de correios, médico do trabalho, auxiliar de enfermagem do trabalho, técnico em segurança do trabalho, analista de saúde, engenheiro de segurança do trabalho e enfermeiro do trabalho.

As vagas foram lotadas em todos os Estados brasileiros e as remunerações iniciais oscilaram entre R$ 1.003,57 e R$ 3.211,58, sem incluir os benefícios oferecidos pela instituição.

Organizado pelo Cespe/UnB, este último processo seletivo dos Correios constou de provas objetivas compostas de 120 questões, sendo 50 de conhecimentos básicos - divididas nos temas de língua portuguesa, inglês (para alguns cargos), informática e administração pública – e 70 de conhecimentos específicos.

PORTO SEGURO / UMA VERDADEIRA AULA DE HISTÓRIA !










Natal/RN: lei cria 1.339 vagas para concurso !

Prefeitura Natal
O prefeito de Natal, no Rio Grande do Norte, Carlos Eduardo, sancionou, no último dia 23 de julho, a lei complementar 151, que cria cargos e amplia o número de vagas da Secretaria Municipal de Saúde. Com isto, estão sendo criadas 1.339 oportunidades, sendo 585 para cargos com exigência de ensino médio e 754 para nível superior, com remunerações iniciais que variam de R$ 998,68 a R$ 5.062,63, com jornadas de trabalho de 30 a 40 horas semanais.
A lei determina que o concurso público para preenchimento das oportunidades deve ser iniciado em um prazo de 180 dias, ou seja, até o início de 2016.

Nível médio

As opções para nível médio são para os cargos de técnico de enfermagem do trabalho (duas vagas e inicial de R$ 1.027,20), técnico em prótese dentária (4, R$ 1.369,61), auxiliar de saúde bucal (40, R$ 998,68), técnico em operação em raio-X (35, R$ 1.369,61), técnico em enfermagem (390, R$ 1.027,20), técnico em saúde bucal (5, R$ 1.369,61), técnico em patologia clínica (26, R$ 1.369,61), técnico em saneamento (2, R$ 1.369,61), agente administrativo (50, R$ 1.043,80), auxiliar de farmácia (20, R$ 1.043,80), técnico de nutrição (6, R$ 1.060,84), técnico em edificações (1, R$ 1.060,84), técnico em montagem de microcomputadores e impressoras (2, R$ 1.060,84) e técnico em segurança do trabalho (2, R$ 1.060,84).

Nível Superior

No caso de nível superior: enfermeiro do trabalho (2, R$ 2.568,02), médico do trabalho (4, R$ 3.424,03), assistente social (20, R$ 3.424,03), biólogo (6, R$ 3.424,03), biomédico (4, R$ 3.424,03), enfermeiro (190, R$ 2.568,02), farmacêutico (25, R$ 3.424,03), farmacêutico bioquímico (22, R$ 3.424,03), fisioterapeuta (6, R$ 3.424,03), fonoaudiólogo (8, R$ 3.424,03), médicos alergologista (2, R$ 3.424,03), anestesiologista (12, R$ 3.424,03), angiologista (2, R$ 3.424,03), cardiologista infantil (2, R$ 3.424,03), cardiologista (2, R$ 3.424,03), cirurgião geral (8, R$ 3.424,03), clínico geral (127, R$ 3.424,03), médico de saúde da família  (20, R$ 3.424,03), dermatologista (2, R$ 3.424,03), endocrinologista (2, R$ 3.424,03), endocrinologista infantil (2, R$ 3.424,03), gastroenterologista (2, R$ 3.424,03), geriatra (4, R$ 3.424,03), ginecologista (15, R$ 3.424,03), hematologista (2, R$ 3.424,03), homeopata (2, R$ 3.424,03), infectologista (2, R$ 3.424,03), mastologista (2,R$ 3.424,03), nefrologista (2, R$ 3.424,   03), neonatologista (2, R$ 3.424,03), neuro cirurgião (2, R$ 3.424,03), neurologista (2, R$ 3.424,03), neurologista infantil (2, R$ 3.424,03), obstetra (20, R$ 3.424,03), oftalmologista (2, R$ 3.424,03), oncologista (2, R$ 3.424,03), ortopedista (4, R$ 3.424,03), ortopedista infantil (2, R$ 3.424,03), otorrinolaringologista (2, R$ 3.424,03), pediatra (19, R$ 3.424,03), pneumologista (2, R$ 3.424,03), pneumologista infantil (2, R$ 3.424,03), proctologista (2, R$ 3.424,03), psiquiatra (23, R$ 3.424,03), radiologista (2, R$ 3.424,03), reumatologista (2, R$ 3.424,03), ultrassonografista (2, R$ 3.424,03), urgencista (30, R$ 3.424,03), urologista (2, R$ 3.424,03), médico veterinário (2, R$ 3.424,03), nutricionista (12, R$ 3.424,03), odontólogo (45, R$ 3.424,03), odontólogo buco maxilo-facial (2, R$ 3.424,03), odontólogo protesista (2, R$ 3.424,03), odontólogo radiologista (2, R$ 3.424,03), odontólogo endodontista (2, R$ 3.424,03), odontólogo periodontista (2, R$ 3.424,03), psicólogo (16, R$ 3.424,03), sanitarista (10, R$ 3.424,03), terapeuta ocupacional (2, R$ 3.424,03), administrador (5, R$ 2.396,01), analista de sistemas sênior (2, R$ 2.396,01), arquiteto urbanista (1, R$ 5.062,63), arte educador (1, 2.396,01), contador (1, R$ 2.396,01), educador físico (10, R$ 2.396,01), educador social (3, R$ 2.396,01), engenheiro civil (1, R$ 5.062,63), engenheiro do trabalho (1, R$ 5.062,63), engenheiro eletricista (1, R$ 5.062,63), estatístico (1, R$ 2.396,01), geógrafo (1, R$ 2.396,01) e pedagogo (2, R$ 2.396,01).   

MP/RN anuncia concurso para níveis médio e superior !

MP
Ministério Público do Rio Grande do Norte (MP/RN) anunciou, por meio de nota publicada em seu site oficial, que realizará concurso público, ainda no segundo semestre, para o preenchimento de 19 vagas iniciais, sendo 14 para o cargo detécnico na área administrativa, além de cinco para analistas, com duas para a especialidade de engenharia civil e três para contabilidade. Para concorrer a técnico é necessário possuirensino médio e para analistas, nível superior nas respectivas áreas.
Para os técnicos, a remuneração inicial será de R$ 4.098,78, incluindo salário de R$ 2.898,78, R$ 200 de auxílio-saúde e R$ 1.200 de auxílio-alimentação. Já os analistas, ingressam recebendo R$ 5.370,93, incluindo salário de R$ 3.970,93, R$ 200 de auxílio-saúde e R$ 1.200 de auxílio-alimentação.
A comissão organizadora, já instituída, tem como presidente o procurador de justiça Luiz Lopes de Oliveira Filho, que já está iniciando os procedimentos para a escolha da banca organizadora.
A aplicação das provas está prevista para ocorrer em novembro.

PL que cria 8.922 vagas está em fase de redação final !

Governo
O projeto de lei 6244/13, do executivo, que cria 8.922 vagas junto ao serviço público federal, além de criar vagas em alguns cargos para substituição de outras que estão sendo extintas, aguarda apenas a elaboração da redação final, por parte da Comissão de Constituição Justiça e Cidadania da câmara dos deputados, para que possa ser encaminhado para o senado. O texto foi aprovado pela comissão no dia 30 de junho, mas até o último dia 15 de julho estava sujeito a apresentação de recursos, o que não aconteceu. Com isto, desde o último dia 17 está em processo de redação final, por parte da comissão, último passo para que seja enviado ao senado.
Do total de vagas que estão sendo criadas, 7.328 são somente para o Ministério da Educação, sendo 5.320 para professores e 2.008 para cargos técnico administrativos.
A relatora do projeto, a deputada Cristiane Brasil (PTB/RJ), ressaltou que, desde que foi designada para a função, recebeu diversos apelos de aprovados nos últimos concursos da ANS e da Anvisa, que contam com concursos próximo a ter validade expirada, para que a proposta de criação de vagas seja aprovada o quanto antes.