terça-feira, 25 de abril de 2017

Regulamento do concurso deve ser divulgado até o final de maio, segundo Renan Filho !

O governador Renan Filho (PMDB) anunciou que a divulgação do edital para preenchimento de vagas em concurso público para a Polícia Militar (PM) e o Corpo de Bombeiros Militar (CBM) de Alagoas foi adiada. A previsão é para o final de maio. 
A informação foi dada na manhã desta segunda-feira (24), durante a solenidade de entrega das obras de 12 quilômetros de pista asfáltica e de 25 unidades habitacionais no município de Feira Grande. 
"A grande novidade e a grande marca desse ano é que, no próximo mês, até o final de maio - e eu estou trabalhando duro - para soltar o edital do novo concurso da Polícia Militar com mais mil vagas e mais 150 vagas para o Corpo de Bombeiros", explicou o governador. 
Feira Grande
O governado Renan Filho (PMDB), ao lado do prefeito Flávio Lira e de secretários estaduais, inaugurou os 12 quilômetros de pista asfáltica recuperada e de 25 unidades habitacionais no município de Feira Grande.  
A obra de recuperação asfáltica,  coordenada pela Secretaria de Estado do Transporte e Desenvolvimento Urbano (Setrand) e o Departamento de Estradas de Rodagem (DER/AL), faz parte do Pró-Estrada, programa que tem entregue importantes serviços de recuperação e reestruturação da malha rodoviária estadual e que já beneficia mais de 30 municípios alagoanos. 
Renan Filho afirmou que a recuperação da rodovia foi uma promessa de campanha cumprida e um presente aos moradores de Feira Grande, que nesta terça-feira (25), completa 63 de sua emancipação política. 
"Do jeito que estava, essa pista havia matado muita gente em acidentes. É como o prefeito falou: era a estrada do sopapo. Agora não é mais", disse Renan Filho, lembrando que, na atualidade, o Governo do Estado está construindo, reconstruindo ou revitalizando cerca de 600 km de estradas em Alagoas.
Durante a solenidade, o governador, ao lado do secretário da Agricultura, Pecuária, Pesca e Aquicultura, Álvaro Vasconcelos, entregou 3,7 toneladas de grãos a agricultores familiares.

Nenhum comentário:

Postar um comentário